Uvas e vinhos: quais os principais tipos?

Petiscos que combinam com vinho tinto: conheça agora!
28 de abril de 2020
Conheça os tipos de taça de vinho e entenda suas diferenças!
29 de abril de 2020

Entender melhor as propriedades das uvas das quais os vinhos são feitos é uma ótima maneira de compreender o porquê do seu sabor. Mais do que isso, esse tipo de conhecimento permite que você escolha os melhores vinhos para harmonizações. Portanto, hoje vamos trazer informações para você.

A história do vinho caminha junto ao homem desde os princípios da humanidade. Por isso, uma variedade de informações sobre o assunto pode ser encontrada. Isso é dito não apenas em termos de tipos de uvas e vinhos, mas também de pratos que exaltam e aprimoram seus sabores.

Se você deseja compreender mais sobre o assunto, não deixe de conferir a lista construída neste artigo!

Cabernet Sauvignon

Essa uva é uma das mais conhecidas pelos entusiastas em uvas e vinhos. Na realidade, mesmo aqueles que não são grandes conhecedores do assunto, provavelmente, já ouviram falar dela.

No universo das uvas, é comum que haja uma localidade em específico na qual elas crescem mais e em melhores condições. Contudo, esse não é o caso da Cabernet Sauvignon. Essa casta pode ser encontrada em diferentes regiões do mundo, sendo cultivada em locais como:

  • Nova Zelândia;
  • Chile;
  • Brasil;
  • Argentina;
  • África do Sul;
  • Estados Unidos e outros lugares.

Isso acontece em função do grande potencial de adaptação dessa uva. Mesmo aparecendo por todo o mundo, sua origem é francesa — e é provavelmente nesse país que serão encontrados os melhores rótulos dessa uva. São produzidos, com ela, vinhos tintos e rosés que combinam perfeitamente com molhos, massas e carnes vermelhas.

Merlot

A origem dessa casta de uva, assim como a Cabernet Sauvignon, é francesa. Por seu tamanho avantajado e sua presença mais suave de taninos, produz rótulos com aromas frutados e macios, porém encorpados. Seu tom vermelho, semelhante a um rubi, torna as taças do Merlot facilmente reconhecidas.

Malbec

Também francesas, as uvas e vinhos Malbec têm uma particularidade: tornaram-se mais populares na Argentina do que em seu próprio local de origem. Hoje, o país latino-americano é considerado o mais capacitado para produzir rótulos dessa casta de uvas. Com isso, ele também se tornou o maior produtor em termos de volume. Como características e sabor, podem ser citadas:

  • a presença aromática forte;
  • o sabor discreto de flores e especiarias;
  • a harmonização perfeita com carnes vermelhas e alimentos temperados com especiarias variadas.

Pinot Noir

As famosas Pinot Noir, presentes nos vinhos mais admirados do mundo, possui origem francesa. Diferentemente da casta Malbec, é raro encontrar produções dessa uva fora de seu país originário. Isso acontece devido à delicadeza da uva, que prefere climas como o da França. Em comparação à uva Cabernet Sauvignon, a pele que reveste a uva é bastante fina e é provável que ela não prospere em qualquer país.

Em termos de sabor, os rótulos de Pinot Noir são sofisticados ao paladar, têm um forte sabor floral que remete às frutas vermelhas e podem ser considerados leves. Sendo assim, combinam com pratos também leves — como aponta uma das regras de harmonização entre pratos e vinhos.

É comum encontrar vinhos tintos feitos dessa uva. Porém, não se engane! Muitos espumantes, como o primeiro do mundo a ser produzido por Dom Pérignon, são feitos com a Pinot Noir. Também podem ser encontrados vinhos rosés feitos dessa casta de uva.

Carménère

Semelhante à Malbec em termos de origem e cultivo, a uva Carménère é francesa. Contudo, sua produção mais volumosa e famosa é advinda do Chile. Inclusive, é possível dizer que os melhores rótulos dessa uva são de origem chilena e não francesa. Apesar de todo esse sucesso, a produção da Carménère no Chile é recente — tendo início em 1994. Nos anos anteriores, era comum perceber, erroneamente, o cultivo dessa uva como se fosse a Merlot.

As características dessa uva são bastante marcantes. Isso pode ser dito em função de sua alta concentração de sabor. Misturando taninos macios com aromas doces e sabores frutados, deliciosos resultados tendem a ser obtidos. As uvas colhidas de forma precoce ou que são tratadas com pouca água apresentam, também, sabores e aromas de pimentão.

Syrah

Apesar de sua origem francesa, a Syrah, hoje mais conhecida como Shiraz, está presente em vários lugares do mundo. Alguns exemplos incluem:

  • Austrália;
  • Uruguai;
  • Argentina;
  • Brasil e outros locais.

Quem aprecia essa casta de uva sabe o quão marcante é seu sabor. Únicos, os rótulos feitos da Shiraz têm características apimentadas, a presença forte de especiarias, sabor levemente frutado e uma cor específica e intensa. Sua harmonização é perfeita com pratos que combinem pimenta, especiarias e com sabor mais marcante.

Chardonnay

Saindo da produção de vinhos tintos, chegamos à uva Chardonnay. Ela é uma das mais conhecidas ao falarmos sobre vinhos brancos. Originada na França, essa uva hoje está presente em todo o mundo e é bastante popular. Suas características incluem:

  • sabor de ervas;
  • alta acidez;
  • suavidade e capacidade de harmonizar com diversos pratos.

Uma das únicas exceções a ser percebida em relação às características acima advém dos rótulos da Nova Zelândia. Ao serem cultivadas na região neozelandesa, os vinhos costumam ser mais frutados e encorpados do que os encontrados no resto do mundo.

Sauvignon Blanc

Outra uva famosa pelos vinhos brancos é a Sauvignon Blanc, originária da França. É também lá que se encontram os melhores rótulos dessa uva. Contudo, boas opções podem ser encontradas também na Nova Zelândia e no Chile. Em termos de sabor, essa uva pode ser bastante trabalhada em função da época em que é colhida, bem como do local.

Na França, sua acidez pode ser altamente percebida. Já na Nova Zelândia, o destaque fica por conta de seu sabor frutado e concentrado. Finalmente, no Chile, é possível perceber notas de maçã vermelha. É comum harmonizá-la com peixes e pratos temperados com ervas.

Conhecer melhor sobre as uvas e vinhos disponíveis em todo o mundo auxiliará na criação de harmonizações mais saborosas para os eventos que você organizar. Além disso, permitirá que você conheça diversas opções e escolha as que mais se adéquem ao seu paladar.

Se você gostou de saber mais sobre a origem, a história, as características e principais harmonizações a serem feitas com as principais uvas e vinhos do mundo, não deixe de curtir nossa página do Facebook e conhecer nossa proposta!

Abrir Chat
Precisa de Ajuda?
Olá, podemos te ajudar?